Versão Beta
Close

Conheça a história de Ragnaros, o Senhor do Fogo

Ragnaros é um senhor elemental incrivelmente poderoso e vai te purificar com fogo!

O mundo já foi dominado pelo Senhor do fogo e seus irmãos em outro tempo. Os Deuses antigos tinham Ragnaros como servo durante a luta contra os Titãs em busca da dominação do planeta. Quando os Titãs conseguiram a vitória, baniram todos os elementais para o Plano Elemental, onde eles permaneceriam presos até o fim dos tempos.

Banimento dos elementais pelos Titãs
Banimento dos elementais pelos Titãs

A busca pelo poder e dominação levou os irmãos elementais a lutarem entre si por 5 milênios durante o que é conhecido por "Elemental Sundering", a guerra em que Ragnaros atacou o Príncipe do Ar, Thunderaan e o derrotou. Ragnaros se banqueteou com a essência do Elemental do Ar e a dividiu com seus outros servos, Barão Geddon e Garr (Geddon é um card lendário neutro e Garr um chefe da aventura do Modo Livre Montanha  Rocha Negra).

Ragnaros e seus servos
Ragnaros e seus servos

A casa de Ragnaros fica no centro de um vasto lago de Fogo no Plano Elemental, de onde ele governava até recentemente com mãos de ferro fundido.

A libertação de Ragnaros

O ambicioso clã dos Ferro Negro liberado por Thaurissan entrou em guerra contra seus irmãos anões, o clã Barbabronze e o clã Martelo Feroz, ao pensar que eles estavam prestes a se unir contra ele. Durante a guerra dos 3 martelos, o líder dos anões ferro negro (Thaurissan) foi até altaforja tomar a capital enquanto sua esposa Modgud seguia o ataque na cidade de Grimbatol (capital do clã Martelo Feroz).

Guerra dos Três Martelos - Cards referência
Guerra dos Três Martelos - Cards referência

Os anões Barbabronze encurralaram Thaurissan e o forçaram a recuar para a sua cidade, quando ele tem a ideia de convocar um servo sobrenatural para ajudá-lo a vencer a guerra contra os Barbabronze. O que ele não esperava era que o que  acabara de evocar seria o motivo da sua ruína. Thaurissan havia libertado RAGNAROS.

Ragnaros agora entrava em erupção novamente e seu renascimento apocalíptico em Azeroth destruiu as Montanhas Cristarubra e criou um vulcão em fúria no centro de toda essa devastação. O vulcão, conhecido como Montanha Rocha Negra, era limitado pelo que hoje é conhecido como Garganta Abrasadora, ao norte, e Estepes Ardentes, ao sul. Thaurissan foi morto pelas forças evocadas de Ragnaros e seus irmãos do clã Ferro Negro foram escravizados por Ragnaros e seus outros servos elementais.

Muitos anões do Ferro Negro permanecem dentro das áreas mais baixas da montanha, especialmente as Profundezas da Rocha Negra, trabalhando a pedido de Ragnaros e dos tenentes do Senhor do Fogo. Eles adoram Ragnaros, considerando-o não apenas um Senhor Elemental, mas também um Deus Antigo. Os Barbabronze e os Martelo Feroz, no entanto, permanecem livres.

Testemunhando a terrível devastação e os incêndios se espalhando pelas montanhas do sul, o Rei Madoran dos Barbabronze e o rei Khardros dos Martelo Feroz mobilizaram seus exércitos e rapidamente voltaram para seus reinos, não querendo enfrentar a terrível ira de Ragnaros. Agora ele está no fundo daquele vulcão, lutando para encontrar um caminho para casa, bem como reunir forças para mais uma vez queimar Azeroth e toma-la para si. Ele e seus lacaios anões tomaram o controle das profundezas vulcânicas da Montanha da Rocha Negra e lutam contra os orcs na Torre da Rocha Negra Superior, que servia como sede do poder para Nefarian, o dragão negro. Ragnaros descobriu o segredo para criar vida a partir de pedra e planeja construir um exército de golens irrefreáveis ​​para ajudá-lo a conquistar toda a Montanha da Rocha Negra.

Nefarian
Nefarian
Elementais de Pedra que Ragnaros aprendeu a criar
Elementais de Pedra que Ragnaros aprendeu a criar

Cataclisma - World of Warcraft

Depois de ser derrotado na raid do Núcleo Derretido, Ragnaros foi banido de volta ao Plano Elemental. Ele agora está na Fortaleza Sulphuron, sua sede de poder dentro das Terras do Fogo. Ele e seus exércitos planejam um ataque em grande escala no Monte Hyjal, na tentativa de queimar a Árvore do Mundo, que voltou a crescer. Ao que tudo indica ele se aliou ao Asa da Morte (na guerra contra as forças de Nefarian) unindo-se como um único exército. Ele seria um dos dois Lordes Elementais aliados ao Asa da Morte, o outro sendo Al'Akir. Seu ataque à Árvore do Mundo é dirigido por vários de seus tenentes (notavelmente o Barão Geddon) auxiliado pelas tropas do clã do Martelo do Crepúsculo e por vários membros da Revoada do Crepúsculo. De acordo com uma série de missões no Monte Hyjal, o ataque de Ragnaros foi repelido com a ajuda de alguns Eternos e Guardiões de Hyjal recentemente revividos.

Ragnaros, o Senhor do Fogo
Ragnaros, o Senhor do Fogo
Al'Akir, o Senhor do Vento
Al'Akir, o Senhor do Vento

Aventura Montanha Rocha Negra em Hearthstone

A aventura Montanha Rocha Negra (2015) possui a temática que conta um pouco da história da ascensão de Ragnaros e do Controle das Montanhas. Se prestar bastante atenção durante os diálogos na tela de escolha do chefe a enfrentar dá para notar o Nefarian introduzindo a história de  Ragnaros e tentando te convencer a parar de subir a montanha em busca de encontrá-lo (após você "supostamente" derrotar Ragnaros). É um bom momento pare reviver a história desta aventura "quente".

Aventura Montanha Rocha Negra
Aventura Montanha Rocha Negra

Aventura Montanha  Rocha Negra
Aventura Montanha Rocha Negra

Curiosidades

O nome de Ragnaros é provavelmente derivado de Ragnarök, o fim do mundo na mitologia nórdica, mas ele parece ser baseado no líder dos gigantes do Fogo, Surt. Essa batalha seria travada entre os deuses (os Æsir e os Vanir) e os jotuns (os gigantes): os hrímþursar (gigantes do gelo) e os eldjotnar (gigantes do fogo liderados por Surtr), junto com Loki e seus filhos. A palavra Ragnarök vem da mitologia nórdica e significa o fim dos deuses. É possível que o nome de Ragnaros tenha sido inspirado no último sentido, assim como nos gigantes do fogo.

  • -Ragnaros pode ser uma referência à ideia de Balrog de Tolkien. Este demônio de fogo foi despertado nas minas de Moria por anões, o que é muito semelhante à convocação de Ragnaros pelos anões Ferro Negro.
  • - Em um artigo na revista PC World, Ragnaros foi eleito o 36º dos 47 maiores vilões de videogames mais diabólicos de todos os tempos.
  • A voz do Ragnaros pertence a Matthew Mercer, que também faz a voz do Rexxar e Nefarian. Matthew também faz a voz de Jesse McCree em Overwatch.

Fontes: Adaptado de Gamepedia e WoWiki


Gostou da Lore? Quer escolher o próximo personagem a ter a história contada aqui? Então deixe nos comentários e fique de olho em nossas redes sociais pra ficar por dentro de mais artigos como este: FacebookTwitter e Instagram 

Vivo o universo de Warcraft há 10 anos, e há 3 crio conteúdo de Hearthstone no Fansite Cristal de Mana, além de ser aspirante a pro player e streamer.